Brasil exporta marydo

Quase meia-noite de sábado. Estava deitado na rede com o note no colo, lendo notícias, esperando os lutadores tirarem a roupa e partirem pro esfrega-esfrega começarem a UFC Ryo 153, quando leio isso daqui:

Quase dei um duplo twist carpado (com sambadinha no final), tamanha foi minha surpresa e indignação. Quedê o Governo do Maranhão? Quedê as leis anti-exportação-de-marydos? Quedê a Jean Willys? Quedê Malafaia? QUEM NOS SOCORRERÁ? Olha, por isso que digo: não tá fácil pra ninguém, rs… a coisa aqui já tá escassa, e pra completar os americanos insistem em roubar nosso patrimônio. Francamente!

Olha a Rubem: carinha de quem resolve os problemas de casa, pratica alguma arte marcial e ainda abraça forte! Sem falar que o bofe é fotógrafo, né? Sensibilidade, precisão, simetria, paciência… vamo deixar levar barato?

Luto pelo Brasil, que perdeu 01 maranhense magya. Terei pesadelos com o sorriso vitorioso da Sam. NUNCA PRECISEI! :(

Anúncios

3 pensamentos sobre “Brasil exporta marydo

  1. Fazer o que? Declarar guerra contra essas bichas dos states? Já não basta essa gente querer nossas florestas, nossas super modelos e nossos lutadores de MMA, agora querem nossoa bofes. Não! Não admito. Declaro guerra! Quem dançar melhor ganha os boys magya.
    Mas meninas que história é essa de UFC? Querendo ver os lutadores (deliciosos) quase nús? Ê, ê. Achei que fosse o único do mundo que baba com o enorme talento do Anderson Silva e companhia. Bjs. Escreva mais.
    artur massai

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s